sexta-feira, 26 de agosto de 2011

SENDO CUMPRIMENTADO NO BANCO
POR UMA JOVEM BONITA,
COM UM SORRISO DE VENCEDORA


Naquela manhã eu precisava tratar de um assunto em uma agência bancária da nossa cidade. Juntamente com a pessoa que me acompanhava, entramos na agência. Logo, uma funcionária, aparentando uns 20 anos de idade, muito simpática, veio ao nosso encontro, e nos cumprimentou com um sorriso muito bonito. Ela demonstrava ser uma pessoa do meu relacionamento, mas eu não conseguia lembrar-me de quem era, apesar de ter uma forte impressão de que a conhecia.

Correspondi ao seu cumprimento tão carinhoso, e logo fomos falar com outra funcionária. Perguntei então à pessoa que me acompanhava, se conhecia a jovem sorridente. Ela me fez lembrar que se tratava de uma garota que foi acolhida na Cidade da Criança há alguns anos. Só então voltou à minha mente a figura daquela garotinha que se tornou parte da Cidade da Criança, quando ainda bem pequena.
Em determinado ponto do seu desenvolvimento, uma família parceira a adotou, no sentido de custear os cursos que ela pudesse fazer. Então, na adolescência e início da juventude, além dos cursos escolares normais, ela teve a oportunidade de fazer vários outros.
Penso que minha dificuldade em reconhecê-la, foi também por ser surpreendido ao encontrar naquele banco uma estagiária ex-assistida pelo nosso programa. Senti-me extremamente compensado e feliz com aquela surpresa.

Nossa conversa com a outra funcionária não foi demorada. Enquanto éramos atendidos, pelo menos três vezes olhei para aquela jovem bonita, sentada atrás daquela escrivaninha, fazendo seu trabalho. E quando terminamos a conversa com a funcionária, dei uma passadinha rápida pela mesa da jovem, só para dar-lhe um até logo e sorrir para ela. Saí do banco com a impressão de que havia recebido um presente do Céu – ver com os meus próprios olhos um resultado tão maravilhoso do nosso trabalho.




No caminho de volta para o meu escritório, estava pensando em como poderia ter sido diferente o destino daquela jovem, se ela não tivesse sido acolhida por um programa bem organizado, com capacidade para cuidar de crianças e adolescentes em situação de risco. Pode-se dizer que todos eles são órfãos. Alguns são órfãos de pais vivos, que não têm possibilidade de cuidar dos filhos, por estarem em uma prisão, ou por causa de vícios de drogas. Todos vítimas de males que destroem a capacidade para ser pai ou mãe. Mas aquela jovem havia sido acolhida e, com a bênção de Deus, teve seu futuro completamente mudado.
Tenho tido outras surpresas desse tipo. Na verdade, há um numero expressivo de jovens ex-moradores da Cidade da Criança, que são vencedores. Foram acolhidos quando mais necessitavam de ajuda. Hoje estão empregados, casados, e até já criando os seus próprios filhos.
Lembrando de tudo isso, louvo a Deus pela inspiração para criar a Cidade da Criança. E pela vida de centenas de homens e mulheres que em todos estes anos, têm colaborado para a construção das casas-lar, para a compra de alimentos, uniformes, material didático, roupas, calçados, e tudo o mais. Gente que acredita na possibilidade de se reverter a situação de meninos e de meninas, que se não forem socorridos, irão para o mundo das drogas, do crime, da prostituição, da morte.

Quero repartir com todos os meus amigos a alegria que senti naquela manhã cumprimentando aquela jovem. Sim, repartir com você que tem sido parte desse programa maravilhoso que é a Cidade da Criança. Repartir também com as cozinheiras, faxineiras, atendentes, pedagogas, psicólogas, mães sociais, da Cidade da Criança. Todos vocês têm sido usados por Deus para ajudar centenas de crianças, adolescentes e jovens, a enveredar pelo caminho do bem.
Eu sei que o Senhor Jesus, que ama muito as crianças, irá compensar todos vocês por toda a contribuição financeira e por todo o trabalho que têm feito.

Pr. Jonathan Ferreira.


quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Adolescente Aprendiz


Neste ano, o Centro Comunitário Vou Vencer estabelecido no bairro da Terra Baixa desde 2006, iniciou o Programa Adolescente Aprendiz. Este programa tem como principal objetivo a formação profissional aliada à oportunidade de inserção no primeiro emprego, através de um trabalho de parceria com as empresas da região.
No primeiro semestre tivemos a primeira turma do curso introdutório,   com a participação de 35 alunos, desses adolescentes,   três já foram recrutados, sendo eles Jeniane Joice Malosti, Letícia Amanda de França e Murilo Henrique Alves de Carvalho que com seus pais estiveram na unidade no dia 17 de agosto, para a entrega de certificado e assinatura do contrato de trabalho, conforme  Lei de Aprendizagem – 10.097/2000.
Estiveram presentes também os representantes da Associação Educacional Beneficente Vale da Bênção,  Pr. Fernando Szymczak presidente da AEBVB,   Pr. Tércio Sá Freire de Oliveira diretor de programas sociais, Geni Goulart Borges coordenadora Técnica,  Alessandra Machado Magalhães Bessa administradora de unidade, e representando a Beneficiadora Boa Vista,  o Sr. Carlos Roberto Lopes de Souza Gerente Administrativo Financeiro e Sandra Mara de recursos humanos, sendo a Beneficiadora a primeira empresa a contratar adolescentes aprendizes do município.
Foi com muita alegria que os adolescentes celebraram esse importante marco em suas vidas profissionais, a inserção no primeiro emprego. O programa continua buscando novas empresas parceiras para receberam outros adolescentes e será dado início a segunda turma de curso introdutório neste semestre.
 Rafael Stefani / Stella Pereira / Si Costa.

terça-feira, 16 de agosto de 2011

ExpoCristã 2011 - Responsabilidade Social

video
Este ano a ExpoCristã entra para a sua 10ª Edição estando com 98% dos espaços vendidos, com presença confirmada de Ana Paula Valadão no Stand Som Livre e a Celebração Ianugural contará com o Pr. Silas Malafia como preletor.
A feira além de seus expositores de produtos ainda conta com a participação de Entidades Sociais que apresentam suas iniciativas durante todo o evento.
Realese:
Responsabilidade Social
Bem mais que lazer, entretenimento ou evento turístico, a ExpoCristã também é solidária e preza pela responsabilidade social. Tanto que desde a primeira edição ONGS se mobilizam e expõem suas iniciativas durante evento que neste ano acontece de 20 a 25 de setembro no Anhembi, em São Paulo. 
         Várias linhas de atuação são contempladas e parte desta gerência é feita pela Renas (Rede Evangélica de Ação Social).
A ExpoCristã é hoje um espaço plural, um encontro de diversas Igrejas e denominações. Cremos que é o melhor canal para fortalecermos o relacionamento, a parceria e dar continuidade em nosso trabalho Social. Igrejas e Entidades se unem aqui pra ajudar a quem precisa.
Queremos prestigiar a ExpoCristã pois ela é principal pólo de encontro do povo evangélico.
Também é nossa missão levar parceiros e estreitarmos os laços do trabalho em equipe - defende Tércio Freire, Diretor de Programas Sociais do Vale dsa Bênção - AEBVB

           

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

“Crescia o menino e se fortalecia, enchendo-se de sabedoria, e a graça de Deus estava sobre ele” (Lucas 2:40).

Um dos programas sociais do Vale da Bênção é o Centro Comunitário Vou Vencer, que teve início no ano de 2006, com o objetivo de atender crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social, residentes no município de Araçariguama.

Em determinados dias da semana, o Vou Vencer parece ficar eletrizado com a presença de muitas crianças da escola pública vizinha que participam de um programa muito especial, o  Programa de Incentivo à Leitura.

As crianças vêm direto da escola e, divididas em turmas, são acompanhadas pela mediadora de leitura. Elas chegam, tiram seus calçados, sentam-se confortavelmente em almofadas coloridas e após a explicação da mediadora sobre o gênero literário do dia, cada uma vai até a estante e escolhe o livro que deseja ler: romance, história, crônica, conto, poesia, literatura didática, entre outros.

Após um período de leitura, as crianças utilizam o dicionário para verificação do significado das palavras desconhecidas, conversam espontaneamente com o colega sobre o que leram, recontam a história, lêem em voz alta para o grupo e participam de uma série de momentos que proporcionam o entendimento e o aprendizado do que foi lido.
 
Sempre nos surpreendemos com as crianças e os adolescentes que ficam após o seu horário ou voltam mais tarde só para terminarem a leitura que haviam começado.

Nos surpreendemos também ao constatarmos que algumas  crianças que já passaram do período de alfabetização na escola, ainda não sabem ler; algumas já em séries mais adiantadas. Elas se mostram tímidas, envergonhadas, ou dispersas e evasivas. Quando isso acontece, a mediadora busca dar uma atenção especial a essa criança ou adolescente. 

Tivemos o prazer de participar da alegria de algumas crianças que aprenderam a ler através do Programa de Incentivo à Leitura. É uma experiência muito linda quando vemos que estão tentando juntar as letrinhas, as palavras e de repente, formando uma frase inteira.

Quando Esther Moura Santana começou a frequentar o Programa de Incentivo à Leitura, estava na 1ª série. Ela ficou tão encantada com os livros coloridos que não queria mais deixá-los. Ficava insistindo, pois queria ler.  Gostava de ver as figuras e pedia para a mediadora do Programa de Leitura contar-lhe as histórias. Percebendo o encanto de Esther pelos livros e sua grande dificuldade em ler, a equipe passou a  alfabetizá-la através dos livros de histórias infantis.

Em um encontro mensal de famílias do Centro Comunitário Vou Vencer, o pai de Esther agradeceu publicamente, muito emocionado, pelo fato da sua filha estar lendo. Ele chorou e disse o quanto tem sido importante para a filha participar do Programa de Leitura, visto que o seu rendimento escolar melhorou muito e ela também ficou mais motivada em frequentar às aulas. A equipe do Vou Vencer também se emocionou junto com esse pai, pois pôde constatar o resultado do trabalho que estão fazendo.

No ano passado Esther passou por uma situação muito difícil. Sua casa que era em um canto da oficina onde o seu pai trabalhava, pegou fogo durante a madrugada. Graças a Deus suas vidas foram guardadas, mesmo que a família tendo perdido o pouco que tinha.
Com a ajuda de muitas pessoas e do Vale da Bênção, a família enfrentou a situação e agora mora numa casa bem melhor. Esther continua sendo nossa aluna e ainda tem a mesma disposição para ler e participar dos outros cursos oferecidos.

Somos gratos a Deus, que em Sua grande bondade tem-nos ajudado a proporcionar a essas crianças, a alegria de poderem ler livros bonitos e interessantes.

Somos gratos a Deus por estarmos influenciando o desenvolvimento de crianças segundo o modelo de Jesus, que crescia e se fortalecia em suas habilidades de inteligência e raciocínio, e na graça diante de Deus e dos homens.

Com certeza, Esther e todas essas crianças se lembrarão, ao longo de suas vidas, das histórias que leram enquanto crianças no Centro Comunitário Vou Vencer.

Para que este Programa de Incentivo à Leitura pudesse ser viabilizado, encontramos pessoas e empresas que se dispuseram a contribuir financeiramente todos os meses.  Louvamos a Deus por esses parceiros das nossas crianças.

Você também pode fazer parte de histórias como essa, nos apoiando financeiramente, visitando nosso Programa e sendo amigo de nossas crianças.

Você pode ainda, nos apresentar um amigo que também queira contribuir conosco.

Precisamos muito do seu apoio e compromisso.

Que Deus o dirija nesse caminho de influenciar o desenvolvimento de crianças, segundo o modelo de Jesus.

Deus o abençoe!


Contribua para esse ministério que tem resgatado centenas de crianças e adolescentes. Utilize o boleto ou faça depósito bancário através das contas:

Banco Bradesco                         Banco Itaú
ag: 0198-8                                  ag: 0774-9
c/c: 098645-3                             c/c: 09545-9
        

Informações: fone (11) 4136-4777 – Letícia
site:www.valedabencao.org.br
Twitter: @ajudenosaregar
Facebook: AEBVB Vale da Bênção
Youtube: AEBVB
Skype: contato.aebvb



Débora Fahur
Diretora de Programas Sociais

terça-feira, 2 de agosto de 2011

Um pouco mais sobre AEBVB - Vale da Bênção

O Vale da Bênção é uma organização totalmente dependente de Deus. Ele é o sustentador de tudo o que desenvolvemos. Deus é a nossa fonte de inspiração e direção. Ele é o nosso socorro em todo o tempo.

Em 2010 assistimos mais de 3000 crianças, adolescentes e as suas famílias em todos os projetos e programas que desenvolvemos na Cidade da Criança, Centro Comunitário Vou Vencer, Creche Gotinhas de Vida e Colégio Vale da Bênção em Araçariguama; Casa Nova Vida e Liberdade Assistida em Sorocaba; Ação Família e Liberdade Assistida em São Paulo.   

Fizemos o melhor que pudemos, proporcionando às nossas crianças e adolescentes e famílias, roupas, alimentação, material escolar, atendimento médico, dentário, psicológico, social e pedagógico e apoio espiritual.
Temos convicção da missão que temos a cumprir. Queremos manifestar a glória de Deus e participar da solução de muitos problemas sociais que afetam as crianças e adolescentes e as suas famílias das nossas comunidades.

Cada vez fica mais evidente que precisamos de muita sabedoria na gestão e conhecimento dos cenários em que atuamos. O Brasil é um país em desenvolvimento bastante acelerado. Este ambiente é desafiador e com muitas oportunidades que são identificadas e aproveitadas para as intervenções sociais alinhadas com a nossa missão e visão.

As mudanças na legislação que normatiza as nossas atividades são aplicadas na gestão de nossa organização, os recursos que podem ser utilizados a partir da renúncia fiscal e de outras modalidades estão sendo buscados para financiar os nossos projetos. As parcerias com a o poder público são revisadas em todo o tempo a fim de proteger os ativos da organização e garantir uma gestão responsável e transparente. A participação estratégica em redes sociais, conselhos e fóruns de defesa de direitos e controle social, indicam que estamos caminhando de forma sustentável.

Através dos anos tem ficado cada vez mais claro que o Vale da Bênção não é uma invenção humana. Ele foi estabelecido por Deus para abençoar e redimir crianças e adolescentes e famílias em situação de risco.

Desde o início, em 1985, mesmo sem os recursos financeiros e em meio a dificuldades, os ideais de Deus foram postos em prática por um grupo de pessoas dedicadas ao chamado do Pai. Deus foi provendo tudo, através de pessoas amigas, cheias de fé e compaixão, que todos os meses nos ajudavam e ainda nos apóiam, comprando comida, roupas, calçados, remédios, enfim, cobrindo todos os itens do nosso orçamento.

Essa caminhada é marcada pela presença constante do Senhor Deus, pelo compromisso social e ambiental e pelo empreendedorismo que nos move rumo a objetivos maiores, a estratégias mais relevantes e pelo desejo intenso de manifestar a glória de Deus servindo as pessoas e cuidando do meio ambiente.

Somos gratos a Deus pelos colaboradores, parceiros e amigos que estão conosco ajudando a realizar as ações e abençoar muitas crianças, adolescentes e famílias.

Em 2011, contamos com o seu apoio, participação e comprometimento pela causa da criança e do adolescente em situação de risco.
Sozinhos, não iremos conseguir superar as dificuldades que virão, mas juntos, e com a ajuda de Deus, batalharemos pelo nosso desafio.

Talvez você possa aumentar sua contribuição mensal ou fazer doações esporádicas de valores maiores, ou motivar amigos e parentes para se tornarem amigos doadores.

Não tenha dúvida de que você está envolvido com uma organização que tem o compromisso cristão de abençoar crianças e adolescentes que precisam de apoio.

Nosso desejo é que a alegria de Jesus esteja com você e a sua família.

Muito obrigado pelo seu apoio.

Deus o abençoe.

Contribua para esse ministério que tem resgatado centenas de crianças e adolescentes. Utilize o boleto ou faça depósito bancário pelas contas:

Banco Bradesco                   Banco Itaú
ag: 0198-8                          ag: 0774-9
c/c: 098645-3                      c/c: 09545-9

Informações: fone (11) 4136-4777 – Letícia
site:www.valedabencao.org.br
Twitter: @ajudenosaregar
Facebook: AEBVB Vale da Bênção
Youtube: AEBVB
Skype: contato.aebvb



Pr. Tércio Sá Freire de Oliveira
Diretor de Programas Sociais